segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Medo de quê?

Todos nós temos um medo. Se alguém disser que não tem medo de nada, está mentindo, ou será que tem medo de ser ridicularizado?
Quando crianças, desenvolvemos o medo, às vezes de coisas bem simples, como de pessoas que usam óculos escuros. Muitos dessas fobias desaparecem à medida que crescemos, outros nos acompanham até o túmulo.
Não existe uma explicação plausível que possa dar certeza de porque temos medo. Simplesmente sentimos isso em algumas situações. Talvez a fobia seja causada por um trauma, mas talvez ela não seja justificada.
Que mal pode te fazer uma pequena formiga? Qual a diferença entre uma barata voando e uma barata no chão? O que acontecerá se você for impedido de passar em uma porta giratória? Mesmo que
não tenha mal algum nessas criaturas, ou objetos, muitos sentem medo deles. Alguns sentem arrepios ao vê-los ou um desespero exacerbado.
Não há mal algum em ter medo ou assumi-los. Ele pode ser benéfico, ele existe para nos proteger, e muitas vezes dá certo. O que não pode acontecer, é deixá-lo tomar conta de você, te impedir de levar uma vida normal. Se isso acontece com você, é bom procurar a ajuda de um profissional.
Eu tenho medos, alguns eu consigo explicar a causa, outros nem sei porque os tenho. Mas, o que eu sei é que medo é medo e ninguém tira isso do outro.
Veja esse vídeo do canal PARAFERNALHA que trata de algumas fobias comuns:
Por hoje é só!
~Kate