terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Tudo o que sou





Eu sou o que me forma;
Eu sou o que me transforma.

Eu sou terra;
Eu sou o perdão quando erra.

Eu sou a história;
Eu sou a minha história.

Eu sou uma metamorfose constante;
Eu sou uma desordem perturbante.

Eu sou a melodia do seu coração;
Eu sou a letra dessa composição.

Eu sou da profundidade dos oceanos;
Eu sou mais do que meus planos.

Eu sou da impetuosidade do vento;
Eu sou tudo o que consigo quando tento.

Eu sou tudo o que faço;
Eu sou o que não fiz e o que desfaço!







  Gabriela Benicio